Luxúria - Drink no Inferno

Como sempre indecisa no modelito a usar na festa, mais havia um conjuntinho de corset e coleira em renda e seda bege que ainda não havia usado
Todo adornada a coleira em amêndoas de cristais e detalhes preto
Para sair do total preto (que amo por sinal), optei por uma sainha bege com barrado em tule, meia arrastão e 7/8 com liga para dar um toque mais lascivo à produção
Ah, e um doce sapatinho boneca preto de verniz
Dançamos, conversamos e curtimos como sempre fazemos (ficar parado é coisa de velho...heheheh)
Dono e eu somos extremamente ativos, gostamos de nos divertir, sair, passear, e dançar...muita, música....
Foi a primeira vez que usei um corset over com bojo, que deu um up total na produção, os seios ficam lindos, e o Dono adora, que enche a mão, daquele jeito então, fiquei linda, da forma que tem que ser e é, pois sou Sua, e devo tentar ser melhor em tudo que puder (e cada dia ser melhor em algo, em relação ao que fui ontem)
Sabe aquela coisa, do se dedicar em tudo.......é disso que me refiro
Coloquei em cima da coleira de renda, uma de couro com as letras que tanto amo

E a festa rolava solta, cenas e cenas, momentos super gostosos
O Dono mandou me arrumar que ia brincar comigo
Arrepiei
Sabe aquele calor que bate forte, foi assim que fiquei
Lasciva e pensativa
Passou a mão pelos meus cabelos, como quem fosse apoiar os braços nos meus ombros, mais ao invés disso, saiu comigo arrastada pelos cabelos
E cada puxada eu ficava mais acesa
Olhou para mim, mandou tirar a coleira, prender o cabelo e me posicionar
Amarrou com força, os seios tão observados e que apenas a Ele pertencem
Foi de um jeito, que eles até começaram a escapar de dentro do corset
Estrategicamente o bico, ficou pronto para
ser puxado e torturado pelo Dono
Eu já com as mão presas, ainda em pé, e tendo os mamilos repuxados, contorcidos e estimulados

Tinha hora que até a perninha saia do chão, não tinha defesa alguma

Amarrou o tronco, e minha pelve e eu inerte em sensações e sentimentos, não vi que o sadismo Dele vai longe em ambigüidades deliciosas
Aquela é uma das posições que mais adoro, me senti feliz por ser merecedora daquele mimo, mais não sabia que seria da forma que foi
Fixou meu tronco, meu quadril e patinhas para o ar
Delicioso, e eu fui me perdendo naquele prazer de ser Sua
Fui sumindo, sumindo, apenas sentindo Sua respiração, a minha, minha pulsação, meu corpo mais e mais sensível
Quando ele sobe mais meu quadril, num passe de mágica (por isso que técnica é tudo...rs em um segundo me modificou com bem desejou)
Fora que ficaram perfeitos os acabamentos, amo pagar um pau vendo as fotos, dos detalhes e acabamentos que Ele faz com as cordas
Fiquei com a pelve mais alta do que estava anteriormente
E esse mais alto significou que a corda que ele estrategicamente colocou contornando minha pelve, pegou tensão, comprimindo meus lábios e tudo que vai no meio deles

Em poucos segundos, minhas respiração ficou ainda mais forte
Que prazer mais intenso da pressão do meu corpo o peso do meu corpo concentrado na minha pelve
A respiração, comecei a controlar, mais era tudo premeditado, conforme respirava, mexia lá em baixo
O intuito Dele era me ver refém do gozo que apenas Ele proporciona e de forma intensa
Além do delicioso subspace, aquela onda de endorfina que me tomava, meu assoalho pélvico começou a contrair, aquela tensão gostosa, que vem o relaxar e relaxar
A sintonia e a afinidade, conhecimento, sempre presente na Nossa relação
Ele me viu contorcendo de prazer, de dor, de tortura, de ânsia, angustia por algo novo, novas sensações, novos prazeres
Foi no meio das minhas pernas, me apertou por baixo, e começou a puxar e soltar a corda, puxar e soltar
Eu ainda tentei segurar com as patinhas presas, mais após uns tapas na cara, me rendi aquele prazer
E relaxei, em espasmos e com o carinho do Dono ao me abraçar e me beijar ainda no ar
Voltei de mansinho, aos poucos, tomei um energético, dancei com o Dono um pouco mais e no final da festa fomos para casa
E eu tranqüila, zen demais....rs
Tomamos um café da manhã, eu estava faminta, nossa, até me assustei, olhava para o Dono, Ele ria, e eu me corava
Foi forte demais, emoções demais para essa cadela
E ainda viria mais
Descendo a Serra, vínhamos conversando e escutando um som maravilhoso, eletrônico, um tesão de som
O nascer do Sol, nos presenteava , lindo demais
Aquelas nuvens vermelhas, e o Sol agraciando com sua presença
Tirei os sapatos, e coloquei uma perna em cima do banco
Ele mandou que colocasse as duas para baixo e abrir bem as penas
Uma espécie de inspeção
Acho que queria ver e sentir o tamanho da calcinha indecente que usava na festa
Na hora que provei a roupa para Ele aprovar, mostrei a parte de cima, a de baixo não.....esqueci
Era pequena e com o lábios inchados e super irrigados, ela ficava menor ainda
Meteu a mão por dentro para sentir
E eu dura, tensa, olhando para a estrada
Descemos a Serra, assim, eu indefesa aos prazeres de ser Dele e Ele explorando o que é Seu
A paisagem se tornou muito mais explêndida, com a mão enorme do Dono me explorando.....rs
Vi nuvens de todas as cores......rsrsrs
O Dono disse que era só avermelhado......
Ao chegar em casa, fui feita de cadela, fui usada e abusada
Eu e minha bunda ficamos literalmente "Sem som e sem imagem"...rs mais de forma orgástica
E depois fui permitida descansar
E como descansei, descansei no lugar mais especial, nos braços do Dono
E naquele Domingo vira e mexe me olhava com cara de Sádico, fazendo meus olhos ir ao chão
Final de semana super gostoso
Com carinho, desejo, atenção do Dono, não tem como não ser
Eu ainda espero que as fotos com minha cara de gozada não saiam no site do Lux
Muitoooo depravada
MFD_[margoth]

4 comentários:

ENTREGA E SUBMISSÃO disse...

Menina, amei a sua produção, alias vc sempre no glamour, adoro!
Parabéns, a ti e ao seu dono por nos contemplar com essas maravilhas de amarras e fotos

beijos doces


sub_ísis

Catlin disse...

Linda, seu modelito estava maravilhoso, mais o seu olhar na ultima foto como já disse no fet mostra o tamanho da sua felicidade.

beijosss

{Júlia}Domador disse...

Eu fiquei perdida na avidez de ler o relato e olhar as imagens... ao final entrei num acordo...rsrs...

Intenso demais, adoro ler e ver essas coisas deliciosas que vive naa companhia do teu Dono... relato maravilhoso e imagens que deram calor infernal, uuiiaaa!

bjus carinhosos

Rosa Vermelha disse...

Menina!

Que relato! Super bem detalhado, com
fotos lindíssimas, adorei!
Super beijos e mil felicidades!

Rا@V£RMËLH@